Home Lições de Vida As Millennials ensinaram-me sobre a vida que…

As Millennials ensinaram-me sobre a vida que…

by Jaqueline
0 comment

Era o jantar de Natal das “minhas miúdas”. Elas não deixam de me surpreender e acima de tudo não param de me ensinar… Mas quem são estas miúdas com as quais aprendo tanto?

Uma é minha afilhada, a outra é como se fosse. Desde pequenas que as adoptei. O facto de terem crescido comigo fez com que sentisse que fossem as minhas irmãs mais novas.

O tempo passou, conheço-as desde que nasceram, por isso mesmo considero-as como se fossem minhas. Entretanto trouxeram as suas amigas, tenho sorte pois falam abertamente sobre a vida delas. A nossa perspectiva passa por três gerações. Somos diferentes, queremos coisas distintas mas elas ensinaram-me a olhar para o lado que a minha geração deixou ao canto da sala.

O QUE É QUE APRENDI COM ELAS:

TER FILHOS – Esta foi uma das minhas maiores surpresas. As miúdas de 25 anos, hoje em dia, estão mais preparadas para ter filhos do que eu possivelmente estou. Nunca, aos 25 anos as minhas amigas e amigas delas falavam em ter filhos.

VIVER COM ALGUÉM – A geração X queria investir em imóveis, queria ter a sua casa de solteiro e só depois de aproveitar tudo pensava em viver com alguém. Os Millennials, talvez porque acreditem que nada é para sempre e que as coisas são temporárias, não estão presos a estigmas. Vivem hoje com uma pessoa mas se não correr bem, vendem a casa e mudam de parceiro.

TRABALHAR QB – O obsessão pelo trabalho e pela carreira é algo que os Millennials são alheios. Sim querem ganhar dinheiro, mas não estão dispostos a abdicar da sua vida pessoal para o fazer. Também não querem estar dia e noite a trabalhar para uma grande multinacional pois acreditam que há outras formas de ganhar dinheiro sem perder a vida.

VIVER ONLINE – Se eu me encontrava com os meus amigos na rua, sempre à mesma hora, no mesmo local, esta geração não acredita que socializar em pessoa é o mais importante. Comunicar é transversal, independentemente da forma. Com um acesso global à Web é imperativo que não estejam limitados pela presença física. Para eles estar cara a cara é dispensável.

VIAJAR – Nunca o acesso foi tão fácil para quem quer viver fora das suas fronteiras e viajar. É um dado adquirido para a maioria dos jovens. Durante o seu tempo de vida seguramente vão aproveitar para viver noutro país e conhecer outro tipo de pessoas, algo que era restrito a alguns enquanto estudei.

De todas as aprendizagens a que mais me surpreendeu foi a questão pessoal vs profissional.

Sim, é uma visão empírica do tema mas não deixo de me questionar onde nos levou a individualidade toda. Queríamos estar completos antes de nos juntarmos a outra pessoa. Continuo a acreditar que faz sentido. Mas não fomos demasiado extremistas e deixámos tudo para mais tarde, e entretanto ficou tarde demais porque perdemos todos a paciência de aturar os outros?

A família e carreira são temas sensíveis. As escolhas que fazemos condicionam a nossa vida, não tem de ser negativo e certamente não terá de ser definitivo pois nada é, a não ser os impostos e a morte.

Obrigada miúdas!

You may also like

Leave a Comment

@2024 All Right Reserved Jaqueline Silva